Empresas doam mais de 260 mil euros ao setor cultural em Malta

O valor da cultura em uma sociedade precisa ser trabalhado coletivamente e exaltado para que todos os seus integrantes possam entender os resultados recompensadores de investimentos culturais. Em Malta, parece que não somente a população, mas também o setor empresarial já aprendeu a valorizar esse bem tão precioso e vital para a economia do país. Em 2017, empresas da região doaram um total de €265,550 para organizações culturais maltesas.

A transação é feita a partir de um esquema criado pelo governo, que beneficia não somente os projetos culturais para os quais são destinadas as doações, mas também o próprio setor empresarial. Parecido com um sistema adotado em algumas cidades brasileiras, ao destinar valores a projetos culturais as empresas têm direito a descontos no imposto de renda, tornando a ação vantajosa para ambos os envolvidos.

De acordo com o site do Conselho de Artes de Malta, doações podem ser feitas para organizações culturais não lucrativas, organizações culturais públicas ou para a próprio Conselho, que fica responsável pelo beneficiamento de projetos de interesse nacional. Das doações de 2017, um total de €173,800 foi destinado para performances artísticas como corais, bandas e ações educativas, €72,250 foram doados a entidades que buscam o resgate histórico no país, uma doação de €11,000 foi feita ao setor de produção cinematográfica e €8,500 foram destinados para outras atividades culturais.

O mesmo esquema continuará a valer em 2018 e centenas de outros projetos também podem ser beneficiados com a iniciativa. Quem desenvolve ações culturais em Malta pode procurar o Conselho de Artes do país para obter mais informações sobre os projetos beneficiados.

[button link=”http://www.enjoyintercambio.com/orcamentos/” (target=”_blank”) (size=”medium”) (style=”outline”)]Gostou do que viu? Solicite seu orçamento[/button]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *